Informe: APACAp no ConDir 17/11

23 Nov

RELATO DO CONDir do CAp UFRJ

Reunião Remota do Conselho Diretor – ConDir, 17 de Novembro de 2020, 14h.

            O Conselho Diretor (ConDir) é o órgão máximo deliberativo do CAp UFRJ, criado pelo Regimento do Colégio e aprovado no Conselho Universitário – Consuni -, em 27/07/2018. O colegiado aprecia e delibera sobre temas pedagógicos e administrativos. As famílias compõem o ConDir desde 12/2018, através da APACAp, graças à demanda da Associação defendida durante a elaboração do novo Regimento do CAp.

            A comunidade escolar está representada no ConDir pelo(a) Diretor e Vice-Diretor(a) do colégio, e professores(as) da Diretoria Adjunta de Ensino (DAE), da Diretoria Adjunta de Licenciatura, Pesquisa e Extensão (DALPE), pelos Coordenadores(as) dos Setores Curriculares, por três Técnicos(as) Administrativos(as), por três representantes dos alunos(as) e por dois representantes das famílias (APACAp). Todos os membros do ConDir têm direito a voz e voto. Os conselheiros se reúnem quinzenalmente no CAp, salvo agenda excepcional.

            Este relato informativo presta contas à comunidade escolar da representação exercida pela APACAp. Ficam registrados os temas da Pauta(*) e apenas os encaminhamentos com participação da APACAp no ConDir. O presente relato não substitui a ata formal da Reunião Ordinária do ConDir, a ser divulgada pela Direção Geral do CAp.

(*) A íntegra da Pauta é enviada com antecedência pela presidência do ConDir aos conselheiros. A APACAp recebe o documento através do e-mail oficial: apacap.ufrj@gmail.com.

Pauta do Conselho Diretor – 17 de novembro de 2020.

 1. Expediente:

1. Informes:

1.1. Direção Geral

1.2. DALPE

1.3. DAE

1.4. Conselheiros

1.5. Representações

2. Ordem do Dia:

2.1. Ata – ConDir;

2.2. Afastamentos de sede – do/no país;

2.3. Apreciação de Projetos;

2.4. Homologação de progressões docentes e/ou RSC;

2.5. Normas de avaliação;

2.6. Edital Admissão 2021

Informes da Direção Geral:

Resultado do Edital Inclusão Digital: O Resultado já está na página do CAp.

Foram 34 Inscritos para 15 vagas. Todos os alunos que pediram chip foram contemplados (13 alunos). Ainda cabe recurso dos que não foram contemplados.

Demissão da Dona Elza: A demissão causou consternação pois dona Elza estava há mais de 20 anos e muito dedicada ao CAp. A escola não pode legalmente pressionar a empresa, mas a DG terá reunião com a PR6 para sugerir revisão do número de terceirizados do setor de limpeza que possa permitir o retorno da D. Elza. A DG sabe que não há garantias de aceite do pedido e acredita que uma decisão não será rápida.  O corte de funcionários terceirizados é devido à redução de recursos da UFRJ.

Furtos ocorridos na escola no período da pandemia: A empresa terceirizada vai pagar pelos equipamentos dos Setores de História (notebook) e Francês (impressora). O equipamento de Desenho Geométrico não será reposto pois a porta do armário não estava arrombada.

Nota do GT UFRJ que recomendou a volta dos estudantes do município do Rio de Janeiro: DG informou que em outubro o CAp e a Faculdade de Educação da foram chamados para compor o Subgrupo GT Multidisciplinar da UFRJ sobre Pandemia. CAp e a Faculdade de Educação foram contra a saída da nota que não levou em consideração as instalações das escolas públicas do município. Enfatizaram que é preciso ouvir os docentes. Segundo a DG, a informação científica que aponta para o menor vetor de transmissibilidade das crianças de até 10 anos, considerada para emissão da nota, não é consenso científico. O CAp contribui para a redação de nova nota técnica e vai assinar o documento apenas se o conteúdo estiver de acordo com os protocolos adotados pelo colégio.

Conselheiros do ConDir lembrou que escolas europeias (como França e Alemanha) voltaram porque nesses países houve testagem em massa e que no Brasil não tem controle e nem testagem.

APACAp registrou no chat da reunião que além dos professores deve-se ouvir também as famílias dos estudantes.

– Seleção de substitutos: O edital de seleção vai contemplar as vagas dos professores de vários setores curriculares que não podem ter contrato estendido até abril de 2021, quando termina o ano letivo 2020. Os professores substitutos para lecionar no ano letivo 2021 estão sendo quantificados e a contratação será feita por novo edital.

Edital de Acesso 2021 – Documento está na fase final de redação e segue para aprovação do CEG, com publicação prevista para a 1ª. semana de dezembro na página do CAp. O acesso será por sorteio para todos os anos, sem prova, sem taxa e com vagas para Ed. Infantil, 1º. ano do EF I, 6º. ano do EF II e 1º. ano EM. A inscrição será feita pela internet, coordenada pela STIC – Superintendência de Tecnologia de Informação Científica da UFRJ.

Essa dinâmica marca também o processo de informatização do CAp que deverá ter matrícula, boletins e circulares também no formato digital, além de um sistema integrado para registro da trajetória do aluno no colégio.

O setor de Educação Infantil aproveitou para externar o contentamento da Educação Infantil pela primeira integrar o edital do CAp e participar do sistema de cotas.

Informes da APACAp:

1 – Demissão da Dona Elza: APACAp externou preocupação das famílias e dos alunos com Dona Elza e perguntou sobre as possibilidades de reversão dessa demissão. da escola poder escolher os funcionários terceirizados que trabalham na escola, pois segundo uma mãe professora da escola estadual é possível a escolha do profissional terceirizado.

R:  A DG informou que lei federal impede a escolha dos terceirizados, podendo o contratante apenas sugerir profissionais que têm experiência anterior na unidade.  Pediu apoio da APACAp no envio de carta à PR6 reforçando pedido de revisão da demissão da D. Elza. APACAp pergunta se ela poderia ser recontratada em outro cargo, deixando de ser encarregada. É possível, mas talvez não recomendado pela idade da funcionária. A representante do Grêmio reforçou a preocupação dos alunos e sugeriu a APACAp ação conjunta na forma de abaixo assinado a ser também encaminhado à PR6.

2- Quadra: APACAp expõe mais uma vez preocupação com o não início das obras e com a possibilidade de perder a verba parlamentar!

R: A Direção pediu uma reunião com ETU, PR6 e APACAp para a terça-feira, 24/11.

3- Live DG CAp sobre IDEB 2019 X avaliação de aprendizagem + Ensino Remoto: Reforçada a recomendação para encontro com as famílias para tratar dos temas sensíveis. Sugerido fortemente que a live aconteça antes do recesso e férias de janeiro. A escola segue em ensino remoto até abril de 2021 e é preciso informar e esclarecer as famílias sobre os critérios de avaliação da educação no CAp e as impressões sobre o ensino remoto, incluindo os critérios de avaliação e os cenários de volta às aulas presenciais em 2021.

R: O pedido permanece no “radar” da DG, mas não é possível registrar uma data de realização da live.  

4- GT Protocolo de retorno: A APACAp pede que o GT traga avaliações e etapas para o futuro retorno dentro do cenário com vacina ou sem vacina: A APACAp foi informada em reunião com a DG sobre a compra de suprimentos, materiais e obras para equipar a escola na volta às aulas presenciais, a saber: álcool gel, máscaras, sabão, novas torneiras de pressão, ventiladores, paredes do pátio vão ser azulejadas para facilitar limpeza etc.  Isso precisa ser dito à comunidade.

 – Já existe a avaliação do que será necessário em termos de infraestrutura? Já existe a avaliação do que será necessário em termos de contratação de profissionais? O que de concreto o GT tem para apresentar à comunidade? Faltam informações sobre metragem das salas, quantidade de alunos por turma, apontamento de infraestrutura deficitária etc. Dados que foram requeridos e que ainda não chegaram no GT.

– A APACAp publica resumo das reuniões e reclamou a publicação de ata das reuniões para manter a comunidade informada, em particular as famílias.

– Professor responsável pelo GT informou que membros do grupo de trabalho vão visitar as sedes do colégio para redigir relatório. APACAp novamente apontou que é importante levar infectologistas da UFRJ às sedes do CAp para ajustar o olhar dos especialistas à realidade da escola.

5- Conteúdos Programáticos –Muitas famílias ainda não receberam os conteúdos programáticos que seriam abordados nessa fase remota. Isso foi compromisso da direção quando expôs a metodologia do ensino emergencial e nas reuniões com as famílias. Essa informação norteia as famílias no acompanhamento do ensino dos filhos. DAE pediu para informar por email quais séries ainda não receberam, Informamos que todo o segmento da EF I ainda não recebeu e alguns anos do EF II.

6- APACAp pede que o CAp publicize as discussões. A APACAp publica regularmente o resumo de todas as representações, isso significa ir às reuniões e reportar às famílias o que foi representado pela Associação, os debates e decisões.  O CAp, no entanto, pública pouco ou quase nada. Realiza inúmeras reunião e não publica atas. Não dá visibilidade às discussões da escola e pior, solicita ou cita inúmeras vezes a APACAp para dar esclarecimentos às famílias. Consideramos que mantemos canais de comunicação atualizados e transparentes que, no entanto, não são “oficiais” da escola. Pedimos que a escola melhore essa comunicação. Publicando as atas das reuniões do colégio, a começar pela ata desse ConDir, como a APACAp já pediu inúmeros vezes.

– Informes do Erer e Artes Visuais: Os vídeos das conversas com especialistas sobre política étnico-raciais, necropolítica e cotas já estão no site CAp na Quarentena. Haverá mais encontros nas próximas semanas.

– Informe da Corrente do Bem: Cestas adquiridas com doações da 5ª etapa serão entregues na próxima semana.  

– A 6ª etapa da campanha começará no final de novembro e para os funcionários terceirizados do CAp as cestas vão incluir itens de Natal. Coordenação da ação pede apoio da comunidade e ressalta que desde março já foram entregues quase duas mil cestas básicas às famílias de alunos, terceirizados e comunidades periféricas da cidade.  

Informe do Grêmio: Representante registrou preocupação com a situação da Dona Elza. Estão querem fazer um abaixo assinado pedindo a volta da D. Elza e estão fazendo doações em dinheiro à funcionária, em apoio à campanha interna que mobiliza professores, técnicos, alunos e famílias. Propõe ação com a APACAp.

R: APACAp aceita convite e acerta contato posterior para tratar do abaixo assinado.

– Informe do NEEI: Concluído com êxito o primeiro curso de Libras do CAp. Um segundo módulo está sendo planejado para o ano letivo 2021.

Ordem do dia:

Normas de avaliação: A Resolução sobre avaliação no período de atividades remotas foi aprovada e em breve será publicada.

A APACAp votou favorável ao critério de avaliação que considera o terceiro conceito do aluno uma média dos dois conceitos anteriores. Apoiou o critério de reprovação que considere abonar faltas por eventual dificuldade de acesso remoto e questões sensíveis reportadas, com antecedência, pelas famílias à escola.

Alguns critérios definidos, já mencionados no resumo anterior publicado pela APACAp:

As avaliações serão expressas por conceitos, conforme a sequência:

MB – Muito Bom; B – Bom; R – Regular; D – Deficitário e I – Insuficiente

O Conceito atribuído a cada período deverá ser resultante de avaliações processuais e de aproveitamento conforme estipulado por cada Setor Curricular por meio de:

a) – Presença, assiduidade, comportamento e interação nos encontros síncronos;

b) Participação e comprometimento nas atividades propostas no âmbito da disciplina e dos projetos interdisciplinares;

c) Atividades realizadas de forma síncrona (Avaliação oral; provas on line; Trabalhos práticos a serem realizados/apresentados de forma síncrona; Atividades Escritas, Apresentações de cena, Apresentações de seminários, Exercícios realizados durante os encontros síncronos;

d) Atividades realizadas de forma assíncrona – realização e prazo de entrega (Trabalhos individuais e/ou em grupo assíncronos, Trabalhos práticos a serem realizados de forma assíncrona, Postagem de material audiovisual a partir das propostas realizadas sincronamente, Produções textuais autorais orais, escritas ou multimodais; Resenhas de filmes, leitura de textos e produção escrita;

e) Autoavaliação orientada pelos docentes;

            A APACAp foi representada nessa reunião do ConDir por Isabel Mello e Patricia Boueri.

APACAp

Gestão 2019-2020

RJ, 17/11/2020.

Abaixo segue o PDF da Resolução Avaliação para Período de Atividades Remotas aprovada no ConDir.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: