Famílias com direito a voz e voto no CAp? Sim é possível

9 Out

Convidada para defender a proposta de representação oficial das famílias dos alunos do CAp no Conselho Diretor (ConDir), a direção da Associação de Pais e Amigos do CAp-UFRJ (APACAp) participou nesta terça-feira, 07/10, de uma reunião do Conselho Pedagógico (COP).

Para quem ainda não sabe, o ConDir será o órgão máximo do CAp, de acordo com o Regimento do colégio, cujo texto está em fase de discussão e formulação. (Acompanhe a evolução do debate neste post)

Para entrar em vigor, o novo regimento precisa ser aprovado pelo COP. A intenção da APACAp é indicar dois representantes de pais, mães e responsáveis de alunos com direito a voz e voto no ConDir na mesma proporção de estudantes do Grêmio e de técnicos administrativos. A resposta do COP deverá ser anunciada no próximo dia 21/10, após discussão do texto integral do novo Conselho Diretor.

A Apacap foi representada pelos diretores Wilson Pessanha (6º ano) e Isabel Mello (4º ano). Wilson expôs os aspectos positivos da gestão democrática e participativa, destacando a trajetória histórica e os compromissos do CAp. A oportunidade de apartes importantes permitiu ao diretor avançar nos argumentos e esclarecer sobre as atividades, a missão e a visão da APACAp.

Na ocasião, os diretores entregaram aos membros do COP um documento com extensa lista de colégios públicos federais que já incluem as famílias nas discussões e decisões da rotina escolar, além de uma pesquisa contendo legislação e exemplos de estratégias governamentais que estimulam a participação dos responsáveis na vida da escola, não apenas na relação individual com professores sobre o rendimento escolar dos alunos, mas também no enriquecimento da vida comunitária, coletiva, cultural e política do espaço escolar.

Clique aqui para baixar o documento pró-participação dos pais no ConDir.

” Avaliamos que este foi um momento de avanço importante na história da comunidade capiana  que faz jus a esta instituição e que acreditamos irá se estender e se aprimorar ainda mais”, salientou Wilson Pessanha.

Atualmente, todos os segmentos da Comunidade Capiana – APACAp inclusive – participam das reuniões para discutir o Regimento que está repensando uma nova estrutura organizacional para o colégio.

O Regimento do Cap em discussão servirá como ponto de partida  para articular e instrumentalizar o modelo de colégio que almejamos construir a fim de enfrentarmos os permanentes desafios da Educação e fazermos face ao contexto que surgirá com a mudança da unidade para um novo prédio na Ilha do Fundão, fato provável mas sem perspectiva de ocorrer antes de 2020.

Uma resposta to “Famílias com direito a voz e voto no CAp? Sim é possível”

  1. dgrois 9 de Outubro de 2014 às 11:43 #

    Parabéns a APACAp e em especial aos seus representantes na reunião do COPE. Estamos numa grande torcida para que esse direito de participação numa gestão verdadeiramente democrática da escola seja respeitado, fato que trará inegáveis benefícios para toda a comunidade escolar/capiana.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: